Edital IberCultura Viva de Apoio a Redes de Cultura 2016

ibercultura-viva_editais-e-afins
IberCultura Viva, programa de cooperação intergovernamental para o fortalecimento das culturas e das comunidades da região ibero-americana, vinculado à Secretaria Geral Ibero-americana (Segib), apresenta o edital que regulamenta a seleção de projetos para o apoio a redes de cultura comunitária. Esta atividade integra seu Plano Operativo Anual 2016-2017, aprovado pelo Comitê Intergovernamental do programa em 7 de junho de 2016. A origem do conceito de cultura viva surge de uma compreensão ampla e antropológica da cultura, que enfatiza suas dimensões simbólica e social, e que se refletiu de maneira muito clara na criação do programa Cultura Viva pelo Ministério da Cultura do Brasil, em 2004. A Política Nacional de Cultura Viva brasileira teve um impacto importante nos países latino-americanos, inspirando programas em outros países e cidades ibero-americanas.
O edital tem como objetivo fomentar e fortalecer o trabalho e a articulação das redes de organizações culturais de base comunitária no âmbito ibero-americano a partir do apoio para a realização de eventos por meio de duas categorias:
– Categoria I: Eventos de redes de cultura de base comunitária nacionais e/ou regionais preparatórios para o 3º Congresso Latino-americano de Cultura Viva Comunitária (CVC).
– Categoria II: Eventos de redes de cultura de base comunitária municipais, estaduais, nacionais ou regionais.

Serão aceitos como eventos: encontros, congressos, seminários, festivais, feiras, colóquios e/ou simpósios e por cultura viva comunitária se entendem aquelas experiências culturais dos diferentes grupos que compõem a diversidade ibero-americana que contribuem com práticas e metodologias exercidas a partir da base territorial e que têm a ver com práticas comuns e conhecimentos tradicionais. Sua reivindicação política principal é a participação social na criação e no desenvolvimento de políticas públicas culturais e ou fortalecimento da autonomia e do protagonismo dos grupos e organizações culturais e sociais.
O edital está destinado a todos os países do Espaço Cultural Ibero-americano: Andorra, Argentina, Bolívia, Brasil, Colômbia, Costa Rica, Cuba, Chile, Equador, El Salvador, Espanha, Guatemala, Honduras, México, Nicarágua, Panamá, Paraguai, Peru, Portugal, República Dominicana, Uruguai e Venezuela.

CRONOGRAMA
– Inscrições: até 1º de dezembro, via email
– Taxa de inscrição: não
– Premiação: US$ 50.000 para cada projeto selecionado.

– Regulamento + Ficha de Inscrição: http://bit.ly/2gsm1VI